Licuala grandis H. Wendl.

11:39


Licuala grandis H. Wendl.




A espécie Licuala grandis H. Wendl. pertencente a família botânica Arecaceae poderia ser definida por majestosa, elegante, graciosa e delicada palmeira de folhas em leque corrugadas, originária das Ilhas Salomão e Vanuatu. A espécie se adaptou bem ao clima brasileiro já que prefere climas que variam de Tropical ao subtropical quente.
De crescimento lento, muito ornamental e boa aceitação pelos brasileiros, a Licuala logo ganhou status de planta nobre em projetos paisagísticos espalhados por todo o País.
Planta de pequeno porte que atinge de 3 a 4 mts. de altura, com copa de 1 a 2 mts., formada por muitas folhas de coloração verde intenso, a Licuala pode ser cultivada de forma isolada ou em pequenos grupos de 3 a 4 indivíduos, desde que o local seja bem arejado e de meia sombra.
Pela beleza, porte e necessidades de cultivo, a Licuala é atualmente uma das espécies de palmeiras mais cultivadas em vasos e floreiras, sendo ideal para decorar ambientes internos e externos, protegidos do sol direto e mantidas úmidas, em solo fértil e rico em matéria orgânica.
Exemplares adultos de Licuala toleram bem cultivo em ambientes de sol pleno, exceto em regiões de clima muito quente e seco, porém não tolera períodos de estiagem ou poucas regas.






Classificação Científica:

Reino: Plantae
Ordem: Arecales
Família: Arecaceae
Género: Licuala
Espécie: L. grandis

Nome Binomial:
Licuala grandis H. Wendl.





  • Compartilhe:

Postagens Relacionadas

0 comentários